Para receber todas as respostas

Acho que esta ilustração mostra a real grande celebração!

Este - sinto - era o real ideal crístico.

Paremos de julgar tudo que acontece e tiremos o dia de hoje para contemplação.

Orar é falar com Deus, meditar é ouvir a resposta.

Meditar não precisa ser de um jeito. Pode ser olhando uma paisagem, pode ser qualquer forma de contemplação em agradecimento.

E mais importante: em silêncio. Quem fala e joga tudo pro outro, pro externo, não pode ser capaz de ouvir a resposta que tanto pede.

Hoje a mensagem do dia é esta. Silêncio para ouvir, em contemplação e gratidão.

Deixar que este aparente eu crístico morra para nascer um real eu crístico. Para renascermos em Cristo.

Abandonar a cruz do mártir e abraçar a oportunidade de renascer para a vida, valorizando-a - e tudo o que ela traz - ainda mais, cada vez mais.

Não vamos esquecer: A nobreza no sofrimento é uma grande MENTIRA!

Honrar a dor, ouvir e transcender. Ou seja, renascer. Mas sofrer NÃO FOI o ensinamento do Cristo.

Dia também de agradecer (em silêncio porque é uma internalização) nossos pais por terem nos trazido à esta vida e por ter sido tudo como foi, pois nos trouxe até onde estamos. E até mesmo o que faltou e pareceu uma lacuna, foi o espaço de construção para nos tornarmos quem somos.

Retirar deles o peso de nos sentirmos amados e devolver à eles a responsabilidade sobre suas proprias histórias.Afinal, não somos filhos desta família, deste sobrenome, para exigirmos tanto.

Somos filhos do pai Céu e da Mãe Terra. Somos filhos do cosmos. Somos filhos da vida. Somos filhos de D'eus. 

Sexta feira da Paixão em Cristo. Dentro. Silêncio. Amor. Gratidão.

Aho!

 

 

Adriana Mangabeira 03/04/2015

 

<photo id="1" />


 

Sentir, pensar e agir em harmonia.

Nossas maiores estruturas são o corpo, o propósito e as relações.
  • Relações dentro do corpo entre suas partes e com os corpos mental, emocional, energético;
  • Relação entre seus arquétipos (aspectos de personalidade e papéis sociais);
  • Relações intra e interpessoais.
  • Fluxo em todas as áreas da vida, se retro-alimentando.

Realinhamos estes elementos, de forma sistêmica e multidimensional, para retomar o fluxo da vida e da realização.Viver como num jogo de xadrez, calculando o próximo passo, controlando e administrando reações, gera tensão e compressão.

Sentidos como dores na coluna, articulações, disfunções hormonais, ansiedade, depressão, pânico, obesidade e outros.

Através de dores físicas e emocionais e na vida material, o corpo tenta nos dizer, à todo momento, o que é necessário.

Nosso cérebro assemelha-se a um hardware que opera com softwares (programações). Desinstalamos juntos este software  e instalamos a programação atualizada.

Considerando que nosso software está instalado em rede com o todo, a transferência de dados é ininterrupta e transforma cada célula nossa em cada segundo, sofremos interferências de forma passiva e impotente várias vezes ao dia. As emoções provocam descargas, com emissão de ondas e direito a curto circuito e arquivos fantasmas, vírus e bugs variados.

Somente quando você toma conhecimento, você tem poder de intervenção.

Treine suas partes a seu favor. Está tudo dentro de você.  

Todas as realidades sonhadas/ desejadas já são reais em alguma dimensão de você.

Materializamos a realidade da dimensão que mais alimentamos.