Portal 12/12

Novamente esclareço, assim como o fiz em 11/11, minha concepção sobre Portais.

Um Portal é a abertura para outras dimensões, viabilizando a cura em outras dimensões tempo-espaço que atuam arqueipicamente dentro de nós, quer queiramos, quer não. Ou seja: vidas passadas, vidas paralelas, obsessores, pai, mãe, ancestralidade... Nada seria importante se não fossem espelhos de partes nossas. E, de forma inconsciente, estas partes atuam fortemente em nosso cotidiano dentro de nós, muitas vezes boicotando ou conflitando com nossos interesses e metas conscientes. Um Portal é a abertura para atravessar e acessar estas partes – arquétipos de fracassados, julgados, excluídos de diversos tipos - que, afinal, estão no inconsciente coletivo.

Por que abre-se um Portal? Porque há uma grande massa de pessoas vibrando naquela intenção e isto gera uma grande consciência. Bastam 10% das pessoas existentes vibrando numa mesma intenção num mesmo momentum para que isso gere uma onda vibratória capaz de alcançar tudo e todos.

O que traz 12/12?

12/12 não é um Portal de Prosperidade como 11/11, embora todo trabalhinho de casa bem feito se traduza em Prosperidade de alguma forma.

12/12 é um Portal de Desapego e Purificação, um preparo para o Solstício de 21/12.

No solstício de verão do hemisfério sul, os raios solares incidem perpendicularmente à superfície da Terra no Trópico de Capricórnio e temos o dia mais longo do ano. Este fenômeno astronômico que nos traz a enorme incidência de Sol e de seu poder, ocasiona grandes transformações e é um momento muito propício para subir um degrau da Ascensão, se elevar em essência uma oitava acima, um upgrade de vibração em nossa existência,em nossa jornada total de alma. Ou seja, é como se fosse a ultima avaliação escolas pra passar de ano.

12/12, é o momento em que a gente decide tudo que vai tirar da nossa rotina e que tira nosso foco. Como na época de escola em que, às vésperas, a gente não agenda nenhum compromisso social, não abre navegador da internet para não distrair, não mantem os hábitos que minam nossa força, foco e disciplina. É o momento em que ratificamos mais que a escolha – mas a decisão – de passar de ano e fazer nossa parte para eliminar aquilo que nos mantem presos.

Em analogia, para ascensão, é o momento em que vemos quais hábitos nos afastam de nossa saúde, equilíbrio, plenitude, prosperidade. Já sabemos muito bem. Hoje é o dia de DECIDIR limar isso de nossas vidas: vitimização, esperar papai do céu ou alguém nos prover, procrastinação, reclamações, foco no outro em vez de estar em nós mesmos, negligências com nossa saúde, com nosso corpo e com nossa energia, incoerências entre o que dizemos que queremos e o que fazemos com nossa vida afetiva, sexualidade, alimentação, hábitos...

É um momento de resguardo para uma cirurgia.

Então, hoje, podemos listar tudo aquilo que não queremos mais em nossas vidas. E, em 21/12 queimar esta lista. Hoje ainda podemos fazer uma 2ª lista, a qual vamos alimentar diariamente, até dia 21/12, com nossas metas de vida, desde os pequenos novos hábitos cotidianos que queremos nutrir - beber mais água, fazer lista da gratidão diária, elogiar, fazer exercícios, etc – até as metas maiores pro próximo ano ou para médio e longo prazos.

No dia 21/12 vamos fazer outras tarefinhas para direcionar as mudanças desejadas.

Mas hoje, acima de tudo, é um dia de querer mudar, de mudar a atitude para uma atitude mais proativa e menos reativa. Ou seja, você não reagir com o que a vida te traz. Mas você estar em coerência com o que deseja receber. Pois, SEMPRE, virá em coerência com sua postura e ações do momento presente.

Hoje é um dia para decidir mudar de padrão de comportamento, de dar uma pausa nas repetições pra impar sue campo áurico, de perdoar, se perdoar, decidir agir com compaixão, com amor incondicional. Agradecer as dificuldades e adversidades vividas como sendo Mestres, sir do automático. Deixar a alma e o coração falarem.

Um dia para parar de esperar ser visto e se olhar. Profundamente. Hoje é um dia para deixar ir. Pois nada muda se não mudarmos nossa autodescrição, se não mudarmos a forma como nos vemos e como vemos os fatos e circunstâncias de nossas vidas. É aí que precisa ocorrer a mudança.

Uma vez um amigo Coach me contou que atendeu uma cliente que relatava estar desequilibrada porque estava prestes a alcançar sua grande promoção de Diretora Latino-americana da empresa e uma colega não desistia de lhe derrubar por inveja. Meu amigo disse a ela “Realmente você não merece ser diretora latino-americana.” A cliente se assustou e ele prosseguiu “Uma pessoa que perde seu foco com uma picuinha com uma única pessoa que não tem a mínima importância na sua vida realmente não tem competência e inteligência emocional para administrar um continente inteiro. Você quer mudar isso e se des-envolver ou não?”

É esta escolha que devemos fazer hoje em nossas vidas.

Nossa identidade não é o que nos aconteceu ou como moldamos nossa personalidade ou ser fruo da família de onde nascemos. Nossa identidade é justamente nos libertarmos de tudo isso e relembrarmos quem somos de verdade e o que viemos fazer. Des-envolvimento. Podemos amar as pessoas, mas precisamos tirar nosso envolvimento emocional de outros ou de circunstâncias e trazer nosso poder pessoal de volta para nós mesmos.

Situações de doenças, escassez e/ou tristeza são abençoados sinalizadores de que não estamos dizendo aquilo que escolhemos fazer como essência, como SER. Não estamos SENDO. Estamos vivendo. Ou sobrevivendo. Ou apenas existindo.

Hoje é dia de definir o que não queremos mais. E começando pelas mágoas, ressentimentos e fortes convicções limitantes. Ampliar nossas verdades, expandir nossa mente, tolerar mais as diferenças e aceitar se enriquecer com elas.

HOJE É UM DIA PARA CRESCER.

SERVIÇOS DISPONÍVEIS

Detalhes no link de cada um: